Villa Ramadas - 3 - Press : Villa Ramadas

+351 262 598 028

+351 918 120 945

VillaRamadas


PressVilla Ramadas - 3

Villa Ramadas - 3

Villa Ramadas - 3

07-02-2008

José Duarte Fernandes, Jornal Noticias dos Arcos

Um dos aspectos mais relevantes quando se planifica um tratamento de um adito, prende-se igualmente com o apoio que deve, ser prestado às famílias. Elas estão na primeira linha do sofrimento tendo que entender que as mesmas não têm à disposição qualquer "inibidor" que abafe os sentimentos quando estão em pleno processo de angústia e aflição e, por vezes, sofrem mais que o próprio doente.

Em muitos momentos, não sabem o que fazer nem como agir para ajudar o seu familiar. Têm imensas dúvidas e vivem momentos de ansiedade e perturbação. Muitas vezes vêem-se totalmente impotentes perante o decurso da autodestruição que sucede diariamente diante dos seus olhos. Para além destes sentimentos , existe igualmente bastante desconhecimento da doença da adição e as suas características,. o que normalmente permite ao indivíduo doente prosseguir por mais tempo o seu caminho para o abismo.

Por este motivo. a ajuda às famílias é absolutamente central em todo o programa terapêutico uma vez que acreditamos que apenas através da informação e esclarecimento poderemos ajudar a família e, por conseguinte, também o adito. Este apoio começa ainda antes da admissão em Villa Ramadas, ao prestarmos aconselhamento sobre a melhor forma de o ajudarem a entrar em recuperação. Quando o paciente entra no nosso centro, um elemento da equipa é apresentado à família como contacto e apoio privilegiado durante o internamento do doente.

Este apoio mantém-se durante todo o período de internamento recorrendo-se igualmente a algumas terapias de família e através de vários Workshops (painéis informativos) que são oferecidos gratuita e regularmente ao longo do ano em Portugal e no estrangeiro, nomeadamente em Madrid e Atenas. Estes encontros pretendem alargar e aumentar os conhecimentos das famílias e fazê-las perceber que não estão sozinhas no mundo a sofrerem esta situação, remover sentimentos de culpa que possam substituir e, mais importante que tudo, que existe uma solução para eles e para os seus doentes.

Ninguém deve deixar de acreditar. nunca é tarde para se entrar em recuperação.

José Duarte Fernandes

Terapeuta e Representante no Norte de Villa Ramadas

Article download

Google Plus VillaRamadas